segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Como não ser um turista

"Let's face it, it just isn't cool to be a tourist. Taxi drivers rip you off & you're the lowest of the low on the food chain. Yet every year millions of travellers fall into the largest trap of looking, acting & living like a tourist. You may score an A for studying your travel guide, but there ain't no smart like street smart."

Com essa chamada o site How Not to Be A Tourist captura nossa atenção para algo muito importante acerca das viagens de passeio, turistas estão no nível mais baixo da cadeia alimentar das grandes cidades do mundo. Turistas são enganados, ignorados, odiados e passados para trás, mesmo em grandes centros turísticos em que as pessoas deveriam entender a importância deles para a economia local. Acredite em mim, eu sei como é isto. E desde a primeira vez que aconteceu comigo tomei providências para que nunca acontecesse de novo. Isso começou bem antes de conhecer esse site, mas certamente o referido ajudará bastante se você não quiser ter de descobrir tudo do meio mais difícil, a prática.
Eu, que não tinha o HNBAT como recurso, fiz o mínimo possível, consultei o máximo  possível de pessoas que haviam estado no local, olhei mapas e fotos do lugar, para saber exatamente como ir e como reconhecer quando lá chegasse. Também estudei o comportamento das pessoas locais, para não parecer deslocado, e assim viajei para grandes centros sem grandes problemas.
Por isso recomendo veementemente o site How Not to Be A Tourist.
Se tiverem dicas de viagem e turismo, fiquem a vontadepara compartilhar suas próprias dicas.

Nenhum comentário :