segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Falecimento do Prof. Dr. Valerio Rohden

Willyans V.: Reproduzindo a nota do site da Sociedade Kant Brasileira

Postado em 20/09/2010, 12:35, por Sociedade Kant Brasileira


"É com grande pesar que comunicamos o falecimento, na manhã do dia 19 de setembro, de Valerio Rohden, um dos mais ativos e importantes pesquisadores de Kant no Brasil.
Valerio Rohden fez Graduação em Curso de Filosofia (1960) e Doutorado com Livre-Docência pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1976). Fez pós-doutorado na Universidade de Münster, Alemanha (1988-9). Também desenvolveu pesquisas em Universidades de Roma, Paris, Freiburg i.Br., Heidelberg, Köln, Erlangen-Nürnberg. Foi professor visitante na UFRJ. Foi professor titular na Universidade Luterana do Brasil. Exerceu atividades como Pesquisador Visitante junto à Pontifícia Universidade Católica do Paraná. E, como professor voluntário, foi membro do corpo docente do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da UFSC.
Dentre inúmeros artigos sobre a filosofia de Kant, destacou-se especialmente pela tradução das três Críticas, dando assim uma contribuição inestimável aos estudos kantianos entre nós. Ressalte-se também seu importante livro, Interesse da Razão e Liberdade (Ática, 1981).
Valerio Rohden também foi presidente da Associação de Pós-Graduação em Filosofia (ANPOF) entre 1986 e 1988. Foi fundador e presidente da Sociedade Kant Brasileira (1994 -2006) e, ao longo de sua carreira, não mediu esforços para fortalecer e divulgar os estudos kantianos brasileiros entre nós e no exterior. Atualmente, coordenava, juntamente com Daniel Perez, um seminário voltado para o estudo e a tradução das Lições sobre Antropologia de Kant, na Pontifícia Universidade Católica do Paraná.
Ricardo Ribeiro Terra
Presidente da Sociedade Kant Brasileira"

Para quem não sabe, Immanuel Kant é um dos mais importantes filósofos modernos da Alemanha, eu diria o mais importante. As três Criticas são suas três obras de maior destaque, traduzidas por Rohden, Critica da Razão Pura (1781), Critica da Faculdade do Juizo (1790) e Critica  da Razão Prática (1788), consideradas um importante marco na história da filosofia.

Willyans V. fez clipping e notas e não tem conhecimento da Causa Mortis.

Nenhum comentário :