Páginas

quarta-feira, 24 de março de 2010

Grigory Perelman recusa mais um prêmio

O russo Grigory Perelman ficou mais famoso por recusar a medalha Fields (Maior prêmio honroso para matemáticos) do que pelo motivo que o levou a ganhá-la, em agosto 2006.

Ele ofereceu em 2006 demonstrações da Conjectura de Poincaré que até o momento não puderam ser refutadas. Ainda esta semana postarei uma explicação razoavelmente detalhada do que trata a referida conjectura.

Dessa vez o Instituto de Matemática de Clay tentou prêmia-lo com um milhão de dólares, e advinha... o matemático novamente recusou-se a receber o prêmio, como também recusou-se a receber os reporteres. Disse, através da porta fechada, que já tem tudo o que precisa. (Que bom pra ele, as universidades russas devem pagar muito bem.)
"Publiquei meus achados. É isto que ofereço ao público." diz Perelman. Tudo bem, mas ele podia pensar um pouco em si mesmo, não se recusa um milhão assim.
Nas páginas abaixo pode-se ver os resultados das pesquisas:

http://arxiv.org/abs/math.DG/0211159
http://arxiv.org/abs/math.DG/0303109
http://arxiv.org/abs/math.DG/0307245

Os links podem falhar devido ao trafego intenso, afinal esperamos muito tempo pela resolução da Conjectura de Poincaré.

Willyans V.

Nenhum comentário :